O coelho saiu da cartola.

"Eu tive um sonho, vou te contar. Eu me ativada do oitavo andar e era precisa fechar os olhos pra não morrer e nem me machucar."

Depois de meses curtindo ausências eu sonhei com ela. Veio chorando com um sorriso enorme nos lábios e olhos grandes e gordos que só ela possui quando chora. Olhou-me fundo como quem procura ver através do poço nos meus olhos e eu lhe sorri com aquela agonia de coração ferido, de espírito aflito.
Sorri e olhei com toda a minha vastidão de pensamentos e com a confusão do sonho que queria ser real. Ela ali, parada ao meu lado, me olhando nos olhos e com os olhos cheios de lágrimas e eu ali, sentada ao seu lado com o cenário alternando entre escorregadeira, muro e escada. Eu sentada no alto e ela me olhando de baixo pra cima com o seu sorriso choroso na cara.
Cena mais estranha essa do sonho, sonho mais estranho esse de ontem à noite. Noite mais calma essa que eu tive e um perdão que ela disse que não me sai dos ouvidos.
Mês passado ela sonhou comigo, agora eu lhe retribui o benefício...
Depois de meses curtindo ausências é de se espantar a profusão de sentimentos. Afinal, o que existe é um mero desprezo entre nós.

6 Comentários:

Jeniffer Yara comentou:

Será mesmo só desprezo que existem entre as duas?! Não sei, sentimentos sempre mudam em relação a outras pessoas não?!
Ok, me intrometi demais,rs.

Enfim, gostei daqui, vi seu blog no grupo do facebook *-*

Beijos

Bell Souza comentou:

Pose se intrometer sempre que quiser, beijos

Jota comentou:

O desprezo é um sentimento tão sei lá, baixo. Magoa tanto a pessoa que despreza como a que é desprezada. Enfim, vi seu blog no grupo do face,muito lindo ;*

Bell Souza comentou:

O desprezo é um sentimento, Jota. E a humanidade é repleta de sentimentos, principalmente, os " baixo". Não sejamos hipócritas...

@_carlabresa comentou:

Sonhos sempre impulsionam, acovardam ou apatizam.
Nem sei se apatizar existe. Hahaha

Também tive um sonho que me empurrou e me fez chegar na beira de um penhasco de mim. Olhei de cima, fechei os olhos e pulei.

Porque eu sempre pulo. Porque eu sempre volto.

Um beijo.

Tati comentou:

Achei meio confuso a ordem, mas enfim. É uma boa pegada.
Só acho que esse desprezo é um ponte muito grande que leva o homem a muitas coisas.

A velha frase: - por isso, o mundo está como está. Concordo e discordo dela.

Todos possuímos sentimentos baixos vez ou outra por uma ou outra pessoa/situação, mas acredito que o triste e perigoso é como agimos ou reagimos diante desses sentimentos que nos tocam por dentro.

Beijos

 
Licença Creative Commons
O trabalho About My Truth - Sobre As Minhas Verdades de Rebeca C. Souza foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Com base no trabalho disponível em http://bell-aboutmytruth.blogspot.com.br/.
Podem estar disponíveis autorizações adicionais ao âmbito desta licença em https://www.facebook.com/aboutmytruth